Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/9609
Título: Progressos genéticos, desempenho agronômico e reação de progênies de cafeeiros arábica a Meloidogyne exigua e M.paranaensis
Autor : Rezende, Ramiro Machado
Primeiro orientador: Carvalho, Gladyston Rodrigues
metadata.teses.dc.contributor.advisor-co: Salgado, Sônia Maria de Lima
Mendes, Antônio Nazareno Guimarães
Primeiro membro da banca: Guimarães, Rubens José
Ribeiro, Regina Cássia Ferreira
Oliveira, Antônio Carlos Baião de
Área de concentração: Produção Vegetal
Palavras-chave: Café
Hemileia vastatrix
Híbrido de Timor
Nematoide das galhas
Melhoramento genético
Resistência
Coffee
Timor Hybrid
Root-knot nematode
Genetic breeding
Resistance
Data da publicação: 18-Mai-2015
Agência(s) de fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Referência: REZENDE, R. M. Progressos genéticos, desempenho agronômico e reação de progênies de cafeeiros arábica a Meloidogyne exigua e M.paranaensis. 2015. 117 p. Tese (Doutorado em Agronomia/Fitotecnia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2015.
Resumo: Objetivou-se com este trabalho disponibilizar informações de características agronômicas e reação à ferrugem de progênies de cafeeiro F 3:4, bem como verificar correlações genéticas entre caracteres, estimar parâmetros e progressos genéticos e caracterizar a reação de progênies F 4:5 ao parasitismo por Meloidogyne paranaensis e Meloidogyne exigua. Para isso, três experimentos foram instalados. O experimento de campo foi instalado em dezembro de 2000, na Fazenda Ouro Verde, situada no município de Campos Altos – MG. Foram avaliadas 10 progênies F 3:4 oriundas do cruzamento entre cultivares do grupo Catuaí e seleções de Híbrido de Timor, previamente selecionadas como resistentes à M. exigua, e a cultivar Catuaí Vermelho IAC 99 como testemunha. Utilizou-se delineamento de blocos ao acaso, com três repetições, totalizando 33 parcelas constituídas de oito plantas cada, no espaçamento de 4,0 x 0,8 m. Entre as safras 2011/2012 a 2014/2015 avaliou-se a produtividade em sacas de café beneficiado. ha -1 , incidência e severidade da ferrugem, vigor vegetativo, porcentagem de frutos no estádio “cereja”, porcentagem de frutos chochos, diâmetro de copa, porcentagem de grãos peneira 17 e acima e análise sensorial de bebida. A maioria das progênies se destaca em produtividade; todas as progênies apresentam comportamento promissor para resistência à ferrugem do cafeeiro e potencial para a produção de cafés especiais; a progênie H493-1-2-2 se destaca em todas as características analisadas. Dentro das 10 progênies superiores em campo, selecionaram-se 86 plantas, as quais foram autofecundadas para obtenção da geração F 4:5. Assim, dois experimentos foram conduzidos em casa de vegetação, um com a inoculação de M. exigua e outro com M. paranaensis, no delineamento de blocos casualizados com oito repetições e parcelas constituídas de uma planta. Oitenta e seis (86) progênies e as cultivares testemunhas Mundo Novo IAC 379/19, Catuaí Vermelho IAC 99, Paraíso MG H 419-1 e IPR 100 foram avaliadas por meio da matéria seca da parte aérea, matéria fresca de raiz extraída, incremento de altura, incremento de diâmetro, índice de galhas, índice de galhas e engrossamento, porcentagem do sistema radicular com galhas, número de ovos e juvenis (J2) por grama de raiz, fator de reprodução e redução no fator de reprodução. A maioria das progênies é resistente à M. exigua; as variáveis analisadas são correlacionadas geneticamente; a escala de nota baseada na presença de galhas e/ou engrossamento nas raízes representa bem a reprodução dos nematoides M. exigua e M. paranaensis; cinco progênies apresentam comportamento promissor para resistência à M. paranaensis; há possibilidade de ganhos seletivos para diminuição da população de nematoides no sistema radicular das progênies.
Abstract: In this study aimed to provide information about agronomic characteristics and reaction to leaf rust of progenies of coffee tree F3:4 , and also verify genetic correlations among characters, estimate parameters and genetic progress and characterize the progenies F 4:5 reaction to parasitism by Meloidogyne paranaensis and Meloidogyne exigua. Three experiments were conducted. The field experiment was installed in December 2000, at Ouro Verde Farm, located in Campos Altos, Minas Gerais State, Brazil. Ten progenies of F3:4 were evaluated from Timor Hybrid selections x Catuaí group cultivars crossing, previously selected as resistant to M. exigua and the Catuaí Vermelho IAC 99 cultivar as the control. The randomized block design was used, with three replicates, totaling 33 plots consisting of eight plants each, spaced 4.0 x 0.8 m. Among the 2011/2012 to 2014/2015 crop seasons, it was evaluated productivity (conditioned coffee bags ha -1 ), incidence and severity of leaf rust, vegetative vigor, percentage of fruits at the “cherry” stage, percentage of floating fruits, crown diameter, percentage of grains sieve 17 above and sensory analysis of drink. Most of progenies stands out in productivity; all progenies show promising performance for resistance to coffee rust and potential for the production of specialty coffees; the progenie H493-1-2-2 stands out in all evaluated characteristics. Within ten progenies superior in field, 86 plants were selected, which these plants were self-fertilized to obtain the F4:5 generation. Two experiments were conducted in greenhouse, with inoculation of M. exigua and the other with M. paranaensis, in a randomized block design, with eight replicates and plots consisting of a plant. Eighty-six progenies and control cultivars Mundo Novo IAC 379/19, Catuaí IAC 99, Paraíso MG H 419-1 and IPR 100 were evaluated using the dry matter of shoots, fresh weight of extracted root, increase in height, increase in diameter, gall index, gall index and thickening, percentage of root system with galls, number of eggs and juveniles J2 per gram of root, reproduction factor and reduction on reproduction factor. Most progenies is resistant to M. exigua; the evaluated variables are genetically correlated; note scale based on presence of galls and/or thickening of the roots, represents well the nematodes reproduction of M. exigua and M. paranaensis; five progenies showed promising performance for resistance to M. paranaensis; there is possibility of selective gains for the decrease nematode population in the root system of progenies.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/9609
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DAG - Agronomia/Fitotecnia - Doutorado (Teses)



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.