Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/28313
Título : Níveis da bacitracina de zinco como melhorador do desempenho de frangos de corte
Título(s) alternativo(s): Levels of zinc bacitracin used to improve the performance of broilers
Autor: Reis, Matheus de Paula
Rodrigues, Paulo Borges
Cantarelli, Vinícius de Souza
Meneghetti, Camila
Garcia Junior, Antonio Amandio Pinto
Lima, Renato Ribeiro de
Fassani, Edison José
Naves, Luciana de Paula
Palavras-chave: Aditivo zootécnico
Antimicrobiano
Frango de corte
Additive
Antimicrobial
Broiler
Publicador: Universidade Federal de Santa Maria
Data da publicação: Jun-2014
Referência: REIS, M. de P. et al. Níveis da bacitracina de zinco como melhorador do desempenho de frangos de corte. Ciência Rural, Santa Maria, v. 44, n. 6, p. 1093-1099, jun. 2014.
Resumo : A utilização de antimicrobianos melhoradores de desempenho na criação de frangos de corte é uma prática comum na indústria avícola e, no Brasil, seu uso deve ser feito de acordo com os limites determinados pelo Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (MAPA).Objetivou-se com o presente trabalho determinar o efeito da utilização da bacitracina de zinco, dentro dos níveis recomendados pelo Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (MAPA), em dietas para frangos de corte sobre o desempenho de aves e criadas de 1 a 42 dias de idade. Utilizouse o delineamento inteiramente casualizado, com 5 tratamentos, distribuídos em 10 repetições de 25 pintos machos de corte da linhagem Cobb 500®, totalizando 1250 aves. Os tratamentos experimentais foram constituídos de cinco níveis de inclusão de bacitracina de zinco (0, 10, 25, 40 e 55ppm). As variáveis analisadas foram consumo de ração, ganho de peso, conversão alimentar e avaliação econômica das dietas. Para o período total de criação, avaliou-se também a viabilidade dos frangos de corte. A bacitracina de zinco foi efi ciente como benefi ciador do desempenho de frangos de corte criados no período de 1 a 21, 1 a 35 e 1 a 42 dias. Para o período de 1 a 21 dias, o uso de 55 e 29,3ppm de bacitracina de zinco resultou em menor consumo de ração e maior ganho de peso, respectivamente. No geral, a melhor conversão alimentar foi obtida quando se adicionou 55ppm de bacitracina de zinco na ração de frangos de corte.
Abstract: The use of growth promoters in the broilers production is a common practice in the poultry industry and its use must be made accordance with limits in Brazil set by the Ministry of Agriculture, Livestock and Supply (MAPA).The main objective of this study was to verify the effect of the use of zinc bacitracin, within the levels recommended by the Brazilian Ministry of Agriculture, Livestock and Food Supply (MAPA), in broiler diets for the performance of birds from 1 to 42 days old. We used a randomized design with fi ve treatments in 10 replications of 25 male chicks from Cobb cut 500®, totaling 1250 birds. The treatments consisted of fi ve inclusion levels of zinc bacitracin (0, 10, 25, 40 and 55ppm). The variables studied were feed intake, weight gain, feed conversion and economic evaluation of feed. For the breeding period as a whole, this study also evaluated the viability of broilers. Zinc bacitracin was effective as growth promoter of broilers reared during 1 to 21, 1 to 35 and 1 to 42 days. For the period 1-21 days, using 55 and 29.3ppm of zinc bacitracin resulted in a lower feed intake and increased weight gain, respectively. In general, the best feed conversion was obtained when 55ppm of zinc bacitracin was added to the feed of broilers.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/28313
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DEX - Artigos publicados em periódicos
DZO - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ARTIGO_Níveis da bacitracina de zinco como melhorador do desempenho de frangos de corte.pdf45,91 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons