Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DCA - Departamento de Ciência dos Alimentos >
DCA - Programa de Pós-graduação >
DCA - Ciência dos Alimentos - Doutorado (Teses) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2881

Título: Caracterização química e enzimática de cogumelos medicinais
Título Alternativo: Chemical and enzymatic characterization of medicinal mushrooms
Autor(es): Silva, Evânia Geralda da
Orientador: Dias, Eustáquio Souza
Coorientador(es): Schwan, Rosane Freitas
Membro da banca: Lima, Luiz Carlos de Oliveira
Batista, Luis Roberto
Silva, Cristina Ferreira
Schwan-Estrada, Kátia Regina Freitas
Assunto: Cogumelos comestíveis
Resíduos agrícolas
Plantas medicinais
Agaricus
Data de Defesa: 31-Ago-2007
Data de publicação: 18-Ago-2014
Referência: SILVA, E. G. da. Caracterização química e enzimática de cogumelos medicinais. 2007. 93 p. Tese (Doutorado em Ciência dos Alimentos)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2007.
Resumo: Os cogumelos comestíveis são apreciados em muitas dietas pelo seu paladar, valor nutricional e potencial medicinal. O cultivo de cogumelos possibilita reciclar os resíduos agrícolas da produção e resíduos agroindustriais, evitando o descarte dos mesmos ao ambiente. A reciclagem dos resíduos agroindustriais oferece ao agricultor uma alternativa ao restante da sua produção agrícola e também como outra fonte de renda, visto o valor comercial dos cogumelos comestíveis. Os resíduos agrícolas são degradados pela secreção de enzimas ligninolíticas, lacase, manganês-peroxidase e lignina-peroxidase produzidas pelos cogumelos. O cogumelo Agaricus blazei é nativo do Brasil, possui propriedades medicinais as quais despertaram grandes interesses do mercado consumidor internacional. Sendo o clima brasileiro favorável à produção deste cogumelo, produtores rurais passaram a produzi-lo buscando outra fonte de renda. Este trabalho teve como objetivos avaliar a composição química de corpos de frutificação de Pleurotus sajor-caju e A. blazei cultivado em diferentes teores de nitrogênio, com 0,65%; 0,85%; 1,30%; 1,75% e 2,20% para P. sajor-caju e 0,9%; 1,5% e 2% para A. blazei, avaliar a produção de enzimas ligninases, lacase, manganês-peroxidase e lignina-peroxidase, em quatro isolados de A. blazei, CS1, CS2, CS5 e CS7, cultivados em meio líquido com diferentes concentrações de nitrogênio. Foi observada diferença significativa nos teores de proteínas, açúcares (glicose e sacarose) nos basidiocarpos cultivados em altas concentrações de nitrogênio. A atividade de ligninases foi diferente entre os quatros isolados de A. blazei, sendo a melhor atividade de lacase observada com o isolado CS7, a melhor atividade para manganês-peroxidase, com o isolado CS2 e a melhor atividade de lignina-peroxidase, com o isolado CS5. Os resultados indicaram que a variação do teor de nitrogênio no composto de cultivo alterou o teor de proteína nos corpos de frutificação e a variação do teor de nitrogênio em meio de cultivo líquido para a produção enzimática pode variar conforme o isolado e a composição do meio de cultivo.
The edible mushrooms are a lot appreciated in several diets to the taste, nutritional value and medicinal potential. The mushroom cultivation allows the recycling of agricultural and agro industrial residues, avoiding their discard into the environment. The recycling of agro industrial products offers to the farmer an alternative for the rest of his agricultural production, besides making it possible to be another source of income, due to the business value of the edible mushroom. The agricultural residues are degraded by secretion of lignolytic enzymes, lacase, manganese peroxidase and lignin peroxidase produced by the mushrooms. Agaricus blazei mushroom is originally from Brazil, has medicinal properties, which called a lot of attention of the international cosumer market. Once the Brazilian climate is favorable to the production of this kind of mushroom, rural producers started to grow it in order to have one more source of income. The objectives of this work were to evaluate the chemical composition of Pleurotus sajor-caju and A. blazei fruiting bodies cultivated in different nitrogen contents with 0,65%; 0,85%; 1,30%; 1,75% and 2,20% for P. sajor-caju and 0,9%; 1,5% and 2,0% for A. blazei, to evaluate ligninase enzymes lacase, manganese peroxidase and lignin peroxidase in four isolates of A. blazei, CS1, CS2, CS5 and CS7, cultivated in a liquid medium with different concentration of nitrogen. A significant difference was observed in protein and sugar contents (glucose and sacarose) in basidiocarps cultivated in high nitrogen concentration. The ligninase activity was different among the four isolates of A. blazei, being the higher lacase activity observed with the CS7 isolates, the best one for manganese peroxidase activity with the CS2 isolates and for the lignin peroxidase activity the best one was with CS5. The results indicated that the variation in nitrogen content in the mushroom compost modified the protein content in the fruiting bodies and the variation of nitrogen in liquid culture medium for enzymatic production can vary according to the isolate and the composition of culture medium.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2881
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DCA - Ciência dos Alimentos - Doutorado (Teses)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
TESE_Caracterização química e enzimática de cogumelos medicinais.pdf496,03 kBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback