Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DZO - Departamento de Zootecnia >
DZO - Programa de Pós-graduação >
DZO - Zootecnia - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3252

Título: Produção, composição e rendimento em queijos do leite de ovelhas Santa Inês
Título Alternativo: Production, composition and yield in cheeses from the milk of Santa Inês ewes
Autor(es): Ribeiro, Louiziane Carvalho
Orientador: Pérez, Juan Ramón Olalquiaga
Membro da banca: Abreu, Luiz Ronaldo de
Muniz, Joel Augusto
Paiva, Paulo César de Aguiar
Área de concentração: Produção animal
Assunto: Leite de ovelha
Ocitocina
Ovino
Queijo
Ovine
Cheese
Ocitocina
Ewe's milk
Data de Defesa: 3-Jul-2005
Data de publicação: 26-Ago-2014
Referência: RIBEIRO, L. C. Produção, composição e rendimento em queijos do leite de ovelhas Santa Inês. 2005. 64 p. Dissertação (Mestrado em Zootecnia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2005.
Resumo: A criação de ovinos para produção de leite no Brasil tem chamado a atenção nos últimos anos, principalmente após o bom desempenho de produtores da Serra Gaúcha. Este trabalho teve como objetivo obter informações sobre a produção, composição e rendimento em queijos do leite de um rebanho de ovelhas Santa Inês, avaliando o efeito de ocitocina exógena sobre a produção e composição do leite. O experimento foi conduzido no Setor de Ovinocultura da Universidade Federal de Lavras e nas instalações do Laticínios Serrabella Ltda, Lavras, Minas Gerais. Os animais foram mantidos em regime de confinamento, recebendo uma dieta com 12% de PB e 65% de NDT, de modo a atender suas exigências nutricionais. As ovelhas foram divididas em dois tratamentos: ordenha manual com injeção endovenosa de três U.I. de ocitocina e ordenha manual sem injeção de ocitocina (grupo controle). Realizou-se uma ordenha diária, sendo que até a desmama as ovelhas permaneceram com os cordeiros por um período de 14 horas a cada dia. Os cordeiros foram desmamados aos 60 dias e as ovelhas continuaram sendo ordenhadas uma vez ao dia, até o final da lactação. Foram coletadas amostras de leite para análise dos teores de gordura, sólidos totais e sólidos desengordurados. A duração média da lactação foi de 218 dias e não foi significativamente diferente entre os tratamentos (P > 0,05). Até 133 dias de lactação, o tratamento com ocitocina foi superior (P < 0,05), 141,63 Kg, contra 89,39 Kg de leite produzidos pelo tratamento controle; entretanto, não houve diferença quando se avaliou a produção durante todo o período de lactação (P > 0,05). Em relação à composição do leite, as ovelhas que receberam ocitocina apresentaram porcentagens de gordura, sólidos totais e sólidos desengordurados de 5,84%, 17,40% e 11,57%, respectivamente. Estes valores foram superiores (P < 0,05) aos observados para o grupo controle, em que as porcentagens verificadas para gordura, sólidos totais e sólidos desengordurados foram de 4,96%, 16,18% e 11,22%, respectivamente. Observou-se que, com o avançar da lactação, a ocitocina exógena passou a não exercer efeito significativo sobre a produção de leite e sobre as porcentagens de gordura e sólidos totais do leite. Isto provavelmente ocorreu devido à adaptação dos animais à rotina de ordenha. O rendimento dos queijos foi de 4,80; 8,29 e 5,99 l/Kg para os queijos tipo Azeitão, Pecorino e Roquefort, respectivamente.
The raising of sheep for milk production in Brazil has called the attention in the latest years, mainly after the good performance of raisers of the Serra Gaúcha. This work was intended to obtain information on the production, composition and yield in cheeses from the milk of a herd of Santa Inês ewes, by evaluating the effect of exogen ocitocina on the yield and composition of milk. The experiment was conducted in the Sheep Production Sector of the Federal University of Lavras and in the facilities of the Dairy Factories Serrabella Ltda, Lavras, Minas Gerais. The animals were kept under confinement, feeding a diet of 12% de CP and 65% of TDN, in order to meet their nutrient requirements. The ewes were divided into two treatments: manual milking with a intravenous injection of three I.U. of ocitocina and manual milking without a injection of ocitocina (control group). A daily milking was accomplished, till weaning the ewes remaining with their lambs for a period of 14 hours every day. The lambs were weaned at 60 days and the ewes keep being milked once a day till the end of lactation. Milk samples were collected for analysis of the contents of fat, total solids and non-fat solids. The average length of lactation was of 218 days and was not significantly different between treatments (P > 0.05). Until the 133 days of lactation, the treatment with ocitocina was superior (P < 0.05), 141.63 Kg, against 89.39 Kg of milk produced by the control treatment; nevertheless, there were no differences when evaluating yield throughout the period of lactation (P > 0.05). Relative to the milk composition, the ewes which were given ocitocina presented percentages of fat, total solids and non-fat solids of 5.84%, 17.40% and 11.57%, respectively. These values were superior (P < 0.05) to those found for the control group, in which the percentages verified for fat, total solids and non-fat solids were of 4.96%, 16.18% and 11.22%, respectively. It was found that as lactation progressed, exogen ocitocina began to not exercise any significant effect on milk yield and on the percentages of fat and total solids of milk. This probably occurred due to the adaptation of the animals to the milking routine. The yield of the cheeses was of 4.80; 8.29 and 5.99 l/Kg for the cheeses type Azeitão, Pecorino and Roquefort, respectively.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3252
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DZO - Zootecnia - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO_Produção, composição e rendimento em queijos do leite de ovelhas Santa Inês338,95 kBUnknownVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback