Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/33445
metadata.teses.dc.title: INTERVALOS DE CONFIANÇA VIA BOOTSTRAP PARA CURVAS DE TEMPO INTENSIDADE
metadata.teses.dc.title.alternative: EVALUATION OF TIME INTENSITY CURVES BY BOOTSTRAP CONFIDENCE INTERVALS
metadata.teses.dc.creator: Barbosa, Fernanda Paes Ribeiro Fernandes
metadata.teses.dc.contributor.advisor1: Amorim, Isabel de Sousa
metadata.teses.dc.contributor.referee1: Amorim, Isabel de Sousa
metadata.teses.dc.contributor.referee2: Pinheiro, Ana Carla Marques
metadata.teses.dc.contributor.referee3: Nunes, Cleiton Antônio
metadata.teses.dc.subject: Intervalo de confiança
Bootstrap
Tempo-Intensidade
metadata.teses.dc.date.issued: 2019
metadata.teses.dc.description.resumo: Métodos descritivos são utilizados na análise sensorial para caracterizar qualitativa e quantitativamente diferentes produtos, ou seja, para descrever as propriedades sensoriais dos mesmos. Dentre esses métodos tem-se a análise de tempo-intensidade (T-I), com a qual se avalia a percepção da intensidade de um atributo ao longo de um período de tempo, com o objetivo de identificar a dinâmica da percepção sensorial do referido atributo. Os resultados da análise de T-I são apresentados em gráficos que contêm curvas que descrevem a intensidade ao longo do tempo, além de fornecer estimativas de parâmetros de interesse. Apesar das estimativas de alguns parâmetros das curvas de tempo-intensidade apresentarem informações relevantes, a avaliação da curva propriamente dita é necessária. Porém, não existe na literatura a proposição de intervalos associados a essas curvas, de tal maneira que seja possível a identificação de diferenças estatísticas entre as curvas referentes aos diferentes produtos avaliados. Sendo assim, o objetivo deste trabalho foi propor intervalos ou envelopes de confiança obtidos por simulação bootstrap para as curvas de tempo-intensidade e comparar as mesmas ao longo do tempo. Para ilustrar a metodologia proposta, foram utilizados dados provenientes da análise sensorial de uma goma de mascar, sabor morango, avaliada por provadores de dois países: Brasil e Eslováquia. Nesse experimento 20 provadores de cada país, entre eles 10 homens e 10 mulheres, avaliaram amostras da goma de mascar em relação ao atributo intensidade de sabor doce, ao longo do período de 120 segundos. Cada provador avaliou três amostras, tendo, portanto, três repetições para cada um deles. As curvas de T-I, bem como os intervalos bootstrap foram obtidos utilizando o software R (R Core Team, 2018). Os envelopes de confiança propostos foram relevantes e agregaram informações importantes aos resultados da análise de tempo-intensidade, agora os dados podem ser analisados em todo o período de tempo, e esses intervalos permitem que inferências estatísticas de interesse do pesquisador sejam feitas sobre o gráfico. Com as curvas de T-I, juntamente com os respectivos envelopes de confiança, foi possível verificar diferenças significativas na percepção da doçura por indivíduos de diferentes países e gêneros.
metadata.teses.dc.identifier.uri: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/33445
metadata.teses.dc.publisher: Universidade Federal de Lavras
metadata.teses.dc.language: por
Appears in Collections:PRG - Engenharia de Alimentos (Trabalhos de Conclusão de Curso)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
FernandaPaes_tcc.pdf1,06 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.