Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/38410
metadata.artigo.dc.title: O jogo de imagens no discurso das propagandas de processos seletivos bancários: do que você é feito?
metadata.artigo.dc.title.alternative: Set of images in the speech of the advertisements of bank selection processes
metadata.artigo.dc.creator: Pinto, Lauisa Barbosa
Lima, Andreina Del Carmen Camero de
Lobato, Christiane Batista de Paulo
Gomes, Daniela de Souza
Villarta-Neder, Marco Antonio
metadata.artigo.dc.subject: Análise do Discurso
Peças publicitárias
Organização bancária
Discourse Analysis
Advertising speech
Banking organization
metadata.artigo.dc.publisher: Faculdade Santo Agostinho
metadata.artigo.dc.date.issued: 2014
metadata.artigo.dc.identifier.citation: PINTO, L. B. et al. O jogo de imagens no discurso das propagandas de processos seletivos bancários: do que você é feito? Revista FSA, Teresina, v. 11, n. 3, p. 51-70, jul./set. 2014.
metadata.artigo.dc.description.resumo: A Análise do Discurso (AD) surge como um campo de pesquisa que busca compreender os sentidos expostos e silenciados nos discursos. No presente estudo, utilizou-se a AD Francesa, abordada por Pêcheux, que privilegia a história e textos advindos de instancias institucionais. O objetivo norteador deste artigo foi analisar nas peças publicitárias selecionadas as diferentes representações construídas sobre as condições de trabalho em uma organização bancária e os silenciamentos envolvidos nas representações. A AD entende que o sujeito representa as condições de produção do discurso de uma maneira imaginária, sendo denominada como jogos de imagem de um discurso. O silêncio é apontado como aquilo que é apagado, que não pode ou não deve ser dito, para evitar sentidos negativos de um discurso. O estudo revelou que as propagandas bancárias constroem representações que almejam beneficiar a identidade do banco, como ambiente que possibilita o desenvolvimento dos funcionários e o sucesso profissional, silenciando aspectos como o sofrimento no trabalho, o ambiente estressante e os problemas de adoecimento físico e mental.
metadata.artigo.dc.description.abstract: The discourse analysis emerges as a field of research that seeks to understand the exposed and silenced meanings in the discourse. In the present study, we used the French approach used by Pecheux, which favors the history and texts coming from institutional instances. The main objective of this article was to analyze in the selected materials, different representations built on working conditions in a banking organization and silences involved in the representations. The DA believes that the subject represents the conditions of discourse production on an imaginary way, being named as image sets of a speech. Silence is named as what is deleted, that cannot or should not be said, to avoid negative meanings of a speech. The study revealed that the bank advertisements construct representations that aim to benefit the bank's identity, as an environment that enables employee development and professional success, silencing aspects such suffer at work, stressful environment and the problems of physical and mental illnesses.
metadata.artigo.dc.identifier.uri: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/38410
metadata.artigo.dc.language: pt_BR
Appears in Collections:DCH - Artigos publicados em periódicos



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons