Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2395
Título: Socialização organizacional e dinâmica identitária de pessoas com deficiência: um estudo no Brasil e nos Estados Unidos
Título(s) alternativo(s): Organizational socialization and identity dynamics of people with disabilities: a study conducted in Brazil and in the United States
Autor : Moreira, Lilian Barros
Primeiro orientador: Cappelle, Mônica Carvalho Alves
metadata.teses.dc.contributor.advisor-co: Freitas, Maria Nivalda de Carvalho
Primeiro membro da banca: Mendonça, Maria Cristina Angélico
Ésther, Angelo Brigato
Área de concentração: Organizações, Estratégias e Gestão
Palavras-chave: Identidade
Socialização organizacional
Pessoas com deficiência
Diversidade
Identity
Organizational socialization
People with disabilities
Diversity
Data da publicação: 7-Ago-2014
Referência: MOREIRA, L. B. Socialização organizacional e dinâmica identitária de pessoas com deficiência: um estudo no Brasil e nos Estados Unidos. 2011. 157 p. Dissertação (Mestrado em Administração)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2011.
Resumo: A diversidade é um tema bastante complexo e controverso. Engloba as chamadas "minorias", não em termos numéricos, mas em termos do exercício do poder. Compõem as minorias os negros, pessoas com deficiência, mulheres, indígenas e outros. Para o presente trabalho, escolheu-se entre as minorias, as pessoas com deficiência (PCDs), pois segundo a Organização Internacional do Trabalho (2009), elas representam 10% da população mundial, dentre as quais aproximadamente 72% estão em idade produtiva. Nesse sentido, objetivou-se compreender o processo de socialização organizacional e a dinâmica identitária de PCDs inseridas em organizações de trabalho, localizadas no Brasil e nos Estados Unidos. Para isso, elaborou-se um arcabouço teórico com base na identidade, por uma abordagem sociológica. Discutiu-se a identidade social, os processos de socialização e a construção da identidade por meio deles. Além disso, buscou-se amparo em reflexões teóricas sobre a deficiência, para a melhor compreensão dos sujeitos da pesquisa, que foram pessoas com algum tipo de deficiência, que estavam inseridas no mercado de trabalho quando a pesquisa foi realizada. Para responder ao problema de pesquisa, optou-se pela pesquisa qualitativa e exploratória, a partir de uma abordagem interpretativa. As técnicas de coleta de dados utilizadas foram: a entrevista semi-estruturada e a pesquisa documental. Foram entrevistadas doze PCDs no Brasil e oito nos Estados Unidos, entre homens e mulheres. As entrevistas foram gravadas, transcritas e analisadas por meio da Análise de Conteúdo. Nas análises foi constatado que tanto no Brasil como nos Estados Unidos, há uma gama de leis que visam à garantia dos direitos às PCDs, mas a efetividade dessas leis, em ambos os países, é questionável. O trabalho das PCDs entrevistadas configura-se como um importante instrumento para dar sentido a suas vidas, e suas respectivas deficiências se fazem presentes no processo de socialização organizacional. Além disso, uma das principais barreiras enfrentadas pelas PCDs entrevistadas no que tange ao emprego era a própria deficiência. Assim, percebeu-se um conflito entre quem o indivíduo é e quem ele acha que deve ser, para poder trabalhar. Observou-se que a identidade do indivíduo é resultado de um movimento de construção e reconstrução entre as suas (muitas) identidades e que o indivíduo não consegue se identificar apenas por seus olhos, mas ele necessita se ver pelo olhar do outro. Somado a isso, as experiências de exclusão e discriminação que passaram desde a infância até a atualidade, foram essenciais para a (re)construção da identidade desses indivíduos e para que eles sejam quem são hoje.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2395
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DAE - Administração - Mestrado (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO_Socialização organizacional e dinâmica identitária de pessoas com deficiência.pdf785,87 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.