DSpace
Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DZO - Departamento de Zootecnia >
DZO - Programa de Pós-graduação >
DZO - Zootecnia - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3886

Título: Composição química, vitreosidade e digestibilidade de diferentes hibrido de milho para suínos
Título Alternativo: Chemical composition, Vitreouness and Digestibility of different hybrids of corn for swine´s
Autor(es): Cantarelli, Vinícius de Souza
Orientador: Fialho, Elias Tadeu
Membro da banca: Freitas, Rilke Tadeu Fonseca de
Sousa, Raimundo Vicente de
Lima, José Augusto de Freitas
Área de concentração: Nutrição de monogástricos
Assunto: Milho
Vitreosidade
Composição química
Digestibilidade
Suínos
Corn
Suine
Chemical composition
Vitreouness
Digestibility
Data de Defesa: 29-Dez-2003
Data de publicação: 23-Set-2014
Referência: CANTARELLI, V. de S. Composição química, vitreosidade e digestibilidade de diferentes híbridos de milho para suínos. 2003. 39 p. Dissertação (Mestrado em Zootecnia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2003.
Resumo: Objetivou-se avaliar a composição química, a vitreosidade e os valores nutricionais de diferentes híbridos de milho através de um ensaio de metabolismo com suínos em crescimento, que foi conduzido no Departamento de Zootecnia da Universidade Federal de Lavras (UFLA). Foram utilizados 24 suínos em fase de crescimento (35,6 Kg * 3,05 kg de PV), machos castrados mestiços (LD x LW), os quais foram mantidos em gaiolas de metabolismo e distribuídos em um delineamento inteiramente ao acaso, totalizando 24 parcelas. Os tratamentos experimentais consistiram de 6 rações que continham, cada uma, um híbrido de milho diferente, suplementadas com vitaminas e minerais. Os híbridos de milho testados foram: milho alto óleo (Móleo) e milho QPM (MQPM), como milhos especiais; e milho dentado (Mdent), milho semidentado (Msemi) e dois milhos duros (Mdur1) e (Mdur2) como milhos comuns de diferentes texturas. Os valores obtidos de vitreosidade, coeficiente de digestibilidade da proteína bruta (CDPB) e energia digestível (ED) para Móleo, MQPM, Mdent, Msemi, Mdur1 e Mdur2 foram 78,5; 71,7; 57,2; 68,2; 75,9; 82,8; 81,68; 80,14; 82,35; 69,71; 76,98; 75,61; 3680; 3426; 3597; 3441; 3340 e 3469, respectivamente. Foram observadas diferenças significativas (P<0,05) para os valores de vitreosidade, mostrando que os milhos de textura dura apresentam maior vitreosidade em relação ao semidentado e ao dentado. Houve diferenças significativas no CDMS, CDPB e ED entre os milhos estudados (P<0,05), mostrando que o milho alto óleo (Móleo) e o dentado (Mdent) foram superiores aos demais. Em relação ao nitrogênio retido (%NR), houve diferenças significativas (P<0,05) entre os milhos estudados. Para esta variável os milhos dentado, QPM e alto óleo mostraram-se superiores aos milhos semidentado e os duros. Conclui-se que o milho dentado apresenta menor vitreosidade e, por isso, melhor valor nutricional, mostrando que a vitreosidade pode ser um bom parâmetro para selecionar híbridos de milho comum. Além disso, foi semelhante ou superior em alguns parâmetros nutricionais, quando comparado aos milhos especiais "alto óleo" e "QPM", revelando seu potencial de uso para suínos.
It objectified to evaluate the chemical composition, vitreousness and nutritional values of different hybrids of corn through of a metabolism trial with swine´s in growth, which was conducted in the Swine Production Sector of the Animal Science Department of the Universidade Federal de Lavras (UFLA). The metabolism trial were conducted by utilizing 24 crossbred (LD x.LW) barrows in growing phase (35,6Kg * 3,05Kg of PV) in which they were maintained in metabolism cages and distributed in a randomized completely design. The experimental treatments would consist in six (6) diets that contained, each one, one hybrid of different corn supplemented with vitamins and minerals. The hybrids of corn tested were: corn high oil, corn QPM, as special corns and corn-dent, semi-dent, and two hard corns, as common corns of different textures. The values obtained for Vitreousness, Digestibility Coefficients of the Crude Protein, and Energy Digestible for corns high oil, QPM, dent, semi-dent, hard 1 and hard 2 were 78,5; 71,7; 57,2; 68,2; 75,9; 82,8; 80,14; 82,35; 69,71; 76,98; 75,61; 3680, 3426; 3597; 3441; 3340 and 3469, respectively. Significant differences (P<0.05) were observed for the vitreousness values, indicating that corns of hard texture show a bigger vitreousness in relation to the semi-dent and corn dent. There were significant differences in Digestibility Coefficients of Dry Matter, Digestibility Coefficients of Protein Crude and Energy Digestible among the corn studied (P<0.05), showing the corn high oil, and the corn dent were higher than others. With to the Nitrogen Retained, there were significant differences (P<0.05) among the corns studied. For this variable, the corns dent, QPM and corn high oil showed higher to the semi-dent and hard corns. It follows that the corn with dent shows a little vitreousness and so better nutritional value, showing that the vitreousness can be a good parameter to select hybrids of common corn.Therefore, it was similar or higher in some nutritional parameter, when compared to the special corns, "corn high oil" and "QPM", raveling its potential of use for swine´s.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3886
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DZO - Zootecnia - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO_Composição química, vitreosidade e digestibilidade de diferentes hibrido de milho para suínos.pdf332,84 kBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback