Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/39850
metadata.artigo.dc.title: Ajuste de modelos não lineares para descrição do fruto cajá-manga
metadata.artigo.dc.creator: Lima, Kelly Pereira de
Medeiros, Elias Silva de
Fernandes, Felipe Augusto
Silva, Victor Ferreira da
Morais, Augusto Ramalho de
metadata.artigo.dc.subject: Anacardiaceae
Spondia
Curva de crescimento vegetal
Plant growth curve
metadata.artigo.dc.publisher: Universidade Federal de Alfenas
metadata.artigo.dc.date.issued: 2019
metadata.artigo.dc.identifier.citation: LIMA, K. P. de et al. Ajuste de modelos não lineares para descrição do fruto cajá-manga. Sigmae, Alfenas, v. 8, n. 2, p. 221-226, 2019.
metadata.artigo.dc.description.resumo: A cajá-manga é muita apreciado no Brasil, consumindo in natura ou na forma de produtos, principalmente, polpa congelada, bebidas, doces, sorvetes e picolés, além disso sabe-se que esse fruto é altamente perecível e com curto período de comercialização. Desta forma, estudar a curva de crescimento vegetal é útil para auxiliar a elaboração de métodos de manejo para detectar a época de colheita. Com relação a curva de crescimento destaca-se o uso de modelos modelos não linear. Este trabalho teve como objetivo comparar e ajustar modelos não lineares em dados da massa do fruto cajá-manga ao longo dos dias. Para isso, foram utilizados dozes períodos de coleta (40, 60, 80, 100,120,140,160,180,200,220,240 e 260). Foram utilizados os modelos não lineares Logístico, Gompertz e von Bertalanffy para descrever o fruto cajá-manga. Os parâmetros dos modelos foram estimados pelo método de mínimos quadrado usando algoritmo de Gauss-Newton. Os critérios de informação de Akaike corrigido e coeficiente de determinação ajustado foram usados como critérios de escolha dos modelos que melhor se ajustaram aos dados. Além disso, as análises foram realizadas no software R. Os resultados obtidos mostram que o peso assintótico foi de 97,843 a 109,801 g. Dentre os modelos ajustado, conclui-se que o modelo Gompertz é adequado para a descrição do fruto cajá-manga.
metadata.artigo.dc.description.abstract: The cajá-manga is appreciated in Brazil, consumed in natura or as frozen pulp, beverages, sweets, ice creams and popsicles, in addition it is known that this fruit is highly perishable and with short commercialization period. In this way, studying the plant growth curve is useful to help the elaboration of management methods to detect the harvesting season. Regarding the growth curve, the use of non-linear models is highlighted. The objective of this study was to compare and adjust non-linear models of caj´a-manga fruit mass data over the course of days. For this, two collection periods (40, 60, 80, 100,120,140,160,180,200,220,240 and 260) were used. The nonlinear models Logistic, Gompertz and von Bertalanffy were used to describe the caj´a-manga fruit. The parameters of the models were estimated using the least squares method using Gauss-Newton algorithm. Corrected Akaike information criteria and adjusted coefficient of determination were used as criteria for choosing the models that best fit the data. In addition, the analyzes were performed in software R. The results obtained show that the asymptotic weight was 97.843 to 109.801 g. Among the adjusted models, it is concluded that the Gompertz model is suitable for the description of the cajá-mango fruit.
metadata.artigo.dc.identifier.uri: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/39850
metadata.artigo.dc.language: pt_BR
Appears in Collections:DES - Artigos publicados em periódicos
DEX - Artigos publicados em periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_Ajuste de modelos não lineares para descrição do fruto cajá-manga.pdf242,38 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons