Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4693
Título: Mapeamento associativo para reação do feijoeiro ao mofo branco
Título(s) alternativo(s): Association mapping for common bean reaction to white mold
Autor : Lima, Igor Almeida
Primeiro orientador: Santos, João Bosco dos
Primeiro membro da banca: Garcia, Antônio Augusto Franco
Abreu, Ângela de Fátima Barbosa
Balestre, Márcio
Rodrigues, José Airton Nunes
Área de concentração: Genética e Melhoramento de Plantas
Palavras-chave: Phaseolus vulgaris L.
Sclerotinia sclerotiorum
Desequilíbrio de ligação
QTL’s
Modelo misto
Linkage disequilibrium
Mixed models
Data da publicação: 2014
Agência(s) de fomento: Fundação de Amparo à Pesquisa do estado de Minas Gerais (FAPEMIG)
Referência: LIMA, I. A. Mapeamento associativo para reação do feijoeiro ao mofo branco. 2014. 64 p. Tese (Doutorado em Genética e Melhoramento de Plantas) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2014.
Resumo: O mapeamento associativo pelo estudo do Desequilíbrio de Ligação com o auxílio das matrizes da estrutura da população e de parentesco relaciona regiões do DNA com caracteres de interesse. Entre as vantagens dessa técnica estão: a exploração de acessos de germoplasma e linhagens-elite sem a necessidade do desenvolvimento de populações controladas. É importante enfatizar que o mapeamento de Quantitative Trait Loci (QTL’s) e o mapeamento associativo são metodologias complementares. Objetivou-se com este estudo confirmar/identificar novos QTL’s para reação ao mofo branco diretamente nas linhagens dos ensaios de VCU e do programa ELITE de melhoramento do feijoeiro da Universidade Federal de Lavras. Foram analisadas 144 linhagens dos ensaios VCU e do programa ELITE em quatro ambientes para reação ao mofo branco. Para três safras em campo foi utilizado o delineamento látice quadrado triplo parcialmente desbalanceado, e para o quarto ambiente, em casa de vegetação, o delineamento de blocos casualizados com duas repetições. Para a análise associativa utilizou-se o modelo misto (Q + K). A matriz Q e matriz K são utilizadas para se contemplar a estrutura populacional e de parentesco respectivamente no grupo de indivíduos/linhagens de interesse. Essas matrizes foram estimadas por marcadores microssatélite SSR e AFLP. Confirmaram-se alguns marcadores ligados a QTL’s para reação ao mofo branco, anteriormente identificados em cultivares exóticas, entre eles o SSR BMd15 e o BMd20. Identificou-se outros marcadores tais como EagcMcag810 e EaaaMcat655 para reação ao mofo branco. Todos esses marcadores foram identificados diretamente nas linhagens utilizadas no programa de melhoramento do estado de Minas Gerais. Dessa forma confirmou-se o mapeamento associativo como uma técnica de grande potencial para auxiliar na escolha de genitores para futuros cruzamentos, bem como ferramenta para obtenção de maiores ganhos genéticos para resistência ao mofo branco.
Abstract: The associative mapping by the Linkage Disequilibrium study with the aid of the matrices of population structure and parentage related regions of DNA with interest traits. Among the advantages of this technique are: access exploration of germplasm and lines-elite without the need of the development of controlled populations. It is important to emphasize that the mapping of QTL’s and the association mapping are complementary methodologies. The objective of this study was to confirm/identify new QTL’s for reaction to white mold directly on the lines of VCU trials and ELITE program of bean breeding of the Federal University of Lavras. For reaction to white mold were analyzed 144 lines of the assays: VCU and the ELITE program in four environments. For three crops in the field, it was used design triple square lattice partially unbalanced, and for the fourth environment, in the greenhouse, the randomized block design with two replications. For associative analysis, it was used the mixed model (Q + K). The matrices Q and K are used to contemplate the population structure and parentage respectively in the group of individuals/lines of interest. These matrices were estimated by microsatellite SSR and AFLP markers. It was confirmed some markers linked to QTL’s for reaction to white mold, previously identified in exotic cultivars, including SSR BMd15, BMd20. It was identified other markers such as EagcMcag810 and EaaaMcat655 for reaction to white mold. All these markers were identified directly in the lines used in the breeding program of the Minas Gerais state. Thus, it was confirmed the associative mapping as a technique with great potential to assist in the choice of genitors for future crosses, as well as a tool for achieving greater genetic gains for white mold resistance.
metadata.teses.dc.description: Tese apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Genética e Melhoramento de Plantas, área de concentração em Genética e Melhoramento de Plantas, para a obtenção do título de doutor.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4693
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DBI - Genética e Melhoramento de Plantas - Doutorado (Teses)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TESE_Mapeamento associativo para reação do feijoeiro ao mofo branco.pdf483,57 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.