Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/5575
Título: Revestimento de quitosana na manutenção da qualidade pós-colheita de morangos
Título(s) alternativo(s): Chitosan coating on quality maintenance strawberry post-harvest
Autor : Tavares, Tássia Silva
Primeiro orientador: Abreu, Celeste Maria Patto de
metadata.teses.dc.contributor.advisor-co: Oliveira Junior, Ênio Nazaré de
Primeiro membro da banca: Pret, Paulo Sérgio Castilho
Batista, Luís Roberto
Área de concentração: Agroquímica
Palavras-chave: Composição química
Atmosfera modificada
Refrigeração
Chemical composition
Modified atmosphere
Refrigeration
Data da publicação: 29-Abr-2015
Agência(s) de fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Referência: TAVARES, T. S. Revestimento de quitosana na manutenção da qualidade pós-colheita de morangos. 2015. 133 p. Dissertação (Mestrado em Agroquímica)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2015.
Resumo: O morango é um dos frutos de grande aceitação pelos consumidores, devido aos seus valores nutricionais e características sensoriais atraentes e é, sem dúvida, um dos produtos agrícolas de grande importância para o Brasil, principalmente para o estado de Minas Gerais. No entanto, possui metabolismo intenso e é extremamente sensível, sendo muito susceptível à perda de água e contaminação por microrganismo, se deteriorando facilmente. Atualmente, ocorre no Brasil grandes perdas pós-colheita de frutos e outros vegetais, seja nas etapas de produção e distribuição ou junto aos consumidores. A refrigeração é uma técnica que minimiza os desperdícios de alimentos, no entanto, não é suficiente para controlar as muitas perdas pós-colheita. A quitosana é um biopolímero natural, biodegradável, atóxico, utilizado em diversas áreas, com grande potencial de utilização como revestimentos comestíveis. Neste trabalho, objetivou-se avaliar a qualidade de morangos utilizando revestimentos de quitosana (nas concentrações 0,5 e 1,0%) associado à refrigeração. Os parâmetros analisados foram: perda de massa, firmeza, pH, sólidos solúveis, acidez titulável, açúcares totais, redutores e não redutores, ácido ascórbico, pectina total, solúvel e % de solubilização, atividade das enzimas pectinametilesterase (PME) e poligalacturonase (PG) e avaliação da qualidade microbiológica dos frutos. Os frutos foram adquiridos em um pomar da região de Itutinga-MG. As análises foram realizadas a cada cinco dias, durante vinte dias de armazenamento em condição refrigerada (5°C). Os revestimentos de quitosana (0,5 e 1,0% m/v) mostraram-se promissores na manutenção da qualidade de morangos, uma vez que retardou a perda de massa, diminuição da acidez titulável e vitamina C, o aumento do pH e acréscimos de sólidos solúveis, açúcares totais e redutores. Verificou-se diminuição na firmeza a partir do quinto dia de armazenamento, aumento de pectina total, pectina solúvel, % de solubilização, atividade das enzimas pectinametilesterase (PME) e poligalacturonase (PG). O uso de revestimentos de quitosana foi de fundamental importância para manter baixas as contagens de fungos e leveduras. Os resultados foram satisfatórios, indicando que os revestimentos de quitosana retardam o amadurecimento dos frutos, sendo eficazes na manutenção da qualidade de morangos.
Strawberry is one of the fruits with great acceptance by consumers due to its nutritional values and attractive sensory characteristics, undoubtedly being one of the agricultural products with great importance in Brazil, especially for the State of Minas Gerais. However, it presents intense metabolism and is extremely sensitive, being highly susceptible to the loss of water and to contamination by microorganisms, easily deteriorating. Currently, high postharvest loss of fruit and other vegetables occurs in Brazil, wither in the production and distribution phase or with the consumers. Refrigeration is a technique that minimizes food waste, however, it is not enough to control the many postharvest losses. Chitosan is a natural, biodegradable and nontoxic biopolymer used in various areas as edible coatings. In this work, we aimed at evaluating the quality of strawberries using chitosan coatings (in the concentrations of 0.5% and 1.0%) associated to refrigeration. The parameters analyzed were: mass loss, firmness, pH, soluble solids, titratable acidity, total sugars, reducing and non-reducing, ascorbic acid, total pectin, soluble and percentage, pectin methyl esterase (PME) and polygalacturonase (PG) activity and evaluation of microbial quality of the fruits. The fruits were acquired from a commercial orchard in the region of Itutinga, Minas Gerais. The analyses were performed every 5 days, during 20 days of storage under refrigeration (5°C). The chitosan coatings (0.5 and 1.0% w/v) were promising in the maintaining the quality of the strawberries, given that it delayed mass loss, reduction of titratable acidity and Vitamin C, increase of pH and of soluble solids and total and reducing sugars. We verified the decrease in firmness from the fifth da y of storage, increase in total and soluble pectin, solubilization %, pectin methyl esterase (PME) and polygalacturonase (PG) activity. The use of chitosan coatings was of fundamental importance to maintain low counting of fungi and yeast. The results were satisfactory, indicating that the chitosan coatings delay fruit ripening, being effective in maintaining the quality of strawberries.
metadata.teses.dc.description: Dissertação apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Agroquímica, área de concentração em Agroquímica, para a obtenção do título de Mestre.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/5575
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DQI - Agroquímica - Mestrado (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO_Revestimento de quitosana na manutenção da qualidade pós-colheita de morangos.pdf1,14 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.