Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DCA - Departamento de Ciência dos Alimentos >
DCA - Programa de Pós-graduação >
DCA - Ciência dos Alimentos - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3929

Título: Efeito do óleo essencial de gengibre e do ph sobre crescimento e indução de tolerância em Listeria monocytogenes
Autor(es): Haddad Filho, Hélio
Orientador: Piccoli, Roberta Hilsdorf
Membro da banca: Dias, Disney Ribeiro
Dias, Allan Kardec Carlos
Assunto: Adaptação cruzada
Estresse ácido
Concentração mínima inibitória
Tolerância
Gengibre
Cross-adaptation
Acid stress
Minimum inhibitory concentration
Tolerance
Ginger
Data de Defesa: 31-Jan-2014
Data de publicação: 2014
Referência: HADDAD FILHO, H. Efeito do óleo essencial de gengibre e do ph sobre crescimento e indução de tolerância em Listeria monocytogenes. 2014. 85 p. Dissertação (Mestrado em Ciência dos Alimentos) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2014.
Resumo: Listeria monocytogenes é uma bactéria Gram positivo, aeróbio facultativo e não formadora de endósporos, que apresenta grande capacidade de crescimento em condições adversas tornando-se, assim, um sério problema enfrentado pela indústria de produção de alimentos e, consequentemente, pelo sistema de saúde, uma vez que a infecção causada por esse micro-organismo apresenta uma elevada taxa de mortalidade, principalmente em indivíduos imunodeprimidos. Bactéria reemergente em vários países, apresenta tolerância a ambientes adversos e capacidade de se adaptar a esses ambientes, podendo tornar-se ainda mais tolerante frente a agentes nocivos diversos. O presente trabalho teve o objetivo de avaliar o efeito do pH e do óleo essencial de gengibre sobre o crescimento e a indução de tolerância em L. monocytogenes, assim como avaliar a indução de tolerância cruzada entre o óleo essencial de gengibre e a acidez. Determinou-se o pH mínimo inibitório (pHMI) e o pH mínimo de crescimento (pHMC) de L. monocytogenes, sendo que o valor acima deste foi utilizado para a indução de tolerância ácida na bactéria. Determinou-se a concentração mínima inibitória (CMI) do óleo essencial de gengibre pelo método de microdiluição e uma concentração subletal (CMI/4) do óleo essencial e de um composto quaternário de amônio foram utilizadas para a indução de tolerância no micro-organismo. Por fim, a concentração subletal do óleo essencial de gengibre foi utilizada para a indução de tolerância cruzada do óleo para o pHMI. O pHMI, em L. monocytogenes, foi 4,5 e o pHMC foi 5,0. Houve indução de tolerância ácida com o ácido clorídrico e não houve com o ácido cítrico. A CMI do óleo essencial de gengibre foi 3,12% e houve indução de tolerância ao óleo quando a bactéria foi exposta à concentração de CMI/4 por seis horas. Não houve indução de tolerância frente à exposição à concentração subletal de composto quaternário de amônio. Quanto à tolerância cruzada, L. monocytogenes exposta à concentração subletal de óleo essencial de gengibre apresentou crescimento quanto exposta ao pHMI de 4,5, indicando aquisição de tolerância. Dessa forma, torna-se importante a continuidade dos estudos em relação ao efeito antibacteriano dos óleos essenciais, bem como pesquisas em relação à resistência apresentada pelos micro-organismos diante de exposições a concentrações subletais desses e de diversos métodos de controle microbiológico utilizados na produção dos alimentos. Os óleos essenciais apresentam utilidade promissora, porém muitos estudos ainda precisam ser realizados, adequando a concentração, de modo que essa seja efetiva, não indutora de tolerância e, sensorialmente, aceitável.
Listeria monocytogenes is a Gram positive and facultative aerobic bacterium, which don´t generates endospores, and have a great ability to grow in hostile conditions. Thus becoming a serious problem faced by the food production industry and therefore the health system, once the infection caused by this microorganism create a high mortality especially in immunocompromised individuals. It is a reemerging bacteria in several countries, and showed tolerance and ability to adapt to adverse environments, becoming even more tolerant against many harmful agents. This study aimed to evaluate the effect of pH and ginger´s essential oil on growth and induction of tolerance in L. monocytogenes, as well as evaluating the induction of cross-tolerance between the ginger´s essential oil and acidity. It was determined the minimum inhibitory pH (MIpH) and the minimum pH for growth (MpHG) for L. monocytogenes, onde the next value above that was used to induce the acid tolerance. It was determined the minimum inhibitory concentration (MIC) of ginger´s essential oil by the microdilution method and a sublethal concentration (MIC/4) of the essential oil and of a quaternary ammonium compound were used to induce tolerance in the microorganism. Finally, ginger´s essential oil´s sublethal concentration was used for the induction of cross tolerance from oil to MIpH. The MIpH in L. monocytogenes was 4,5 and MpHMG 5,0. There was induction of acid tolerance with hydrochloric acid and not with citric acid. MIC of ginger´s essential oil was 3.12% and there was induction of tolerance to oil when the bacteria were exposed to concentrations of MIC/4 for six hours. There was no induction of tolerance after exposure to sublethal concentration of quaternary ammonium compound. Regarding cross-tolerance, L. monocytogenes exposed to sublethal concentration of ginger´s essential oil has grown when exposed to pHMI 4.5, indicating acquisition of cross-tolerance. Thus, it is important to continue the studies on the antibacterial effect of the essential oils, as well as research regarding resistance displayed by microorganisms against exposure to sublethal concentrations and various methods of microbiological control used in the production of food. Essential oils have promising utility, but many studies still need to be performed adjusting the concentration to the effectiveness and does not induce tolerance or sensory defects.
Informações adicionais: Dissertação apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Ciência dos Alimentos para obtenção do título de Mestre.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3929
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DCA - Ciência dos Alimentos - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO_Efeito do óleo essencial de gengibre e do ph sobre crescimento e indução de tolerância em Listeria monocytogenes.pdf598,27 kBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback